cmrmc

cmrmc

segunda-feira, 2 de abril de 2012

Rio Novas Bandas




Grupo Negro Mendes
Dia 8/4 - Domingo - 18h

A existência de povos levados da África negra para a costa peruana é praticamente desconhecida no Brasil, assim como a sua criatividade musical. No entanto, sua presença desde o século XVI, deixou marcas indeléveis na cultura musical peruana. Ao serem proibidos de tocar seus instrumentos, eles inventaram substitutos, é assim que de batucarem caixas surgiu o hoje conhecido “cajón”, das caixinhas para recolher o dinheiro na igreja criaram a “cajita” e das ossadas dos jumentos mortos criaram a “quijada”, que hoje imprimem uma sonoridade singular à música afro peruana.
Formado em 2002, o Grupo Negro Mendes tem como proposta apresentar gêneros musicais oriundos da tradição negra e “criolla” das regiões costeiras do Peru, como o “festejo”, o “landó”, o “tondero”, o “panalivio”, a “valsa limeña” e a “marinera”.
Depois de muitas formações, o grupo, que começou como um trio peruano, é acrescido de músicos de diferentes origens e se estabelece hoje como um quinteto, com três peruanos, um brasileiro e uma uruguaia.
O espetáculo traz músicas de autoria própria, assim como novos arranjos para canções do acervo tradicional. Três vozes principais alternam-se enquanto o baixo e o violão (“guitarra criolla”) dão sustento à harmonia. Na percussão, o protagonista é o “cajón peruano” (caixa percussiva de madeira), que é acompanhado por outros instrumentos da tradição afro-peruana, como a “cajita” e a ”quijada”.
Sua primeira produção discográfica foi lançada de maneira independente em 2009; e em 2012 lançará seu segundo disco através do Selo Multifoco Música, do Rio de Janeiro.

No seu Currículo figuram apresentações em eventos de grande porte como o “Festival de Ciência e Cultura” organizado pela FIOCRUZ, o festival INTERCULTURALIDADES - 3º Encontro de Culturas organizado pela UFF (2005) e o “Festival Gastronômico Peruano” realizado no Hotel Sheraton - Leblon / RJ. O grupo Negro Mendes também dividiu palco com Rafael Santa Cruz (importante pesquisador da música afro-peruana) e Paulinho Moska.

Os integrantes do Grupo Negro Mendes são:  

MÓNICA BRUN (Uruguai) Voz e percussão, JOSÉ MARÍA CASTAÑEDA (Peru) Voz e percussã, RICARDO BARTRA (Peru) Voz, violão e percussão, MARCELO BRUNO (Brasil) Baixo e coros e EDISON MEGO (Peru) Percussão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário