cmrmc

cmrmc

terça-feira, 10 de outubro de 2017

Agenda Especial - Dia 12 de outubro


Especial Dia Das Crianças no Centro da Música Carioca – 12 de outubro

A Secretaria Municipal de Cultura e Centro da Música Carioca Artur da Távola, prepararam uma programação especial para comemorar o dia das crianças com muita diversão e música.
O evento terá início às 11h e se estenderá até as 18h30, com atrações diversas, barracas e muitas brincadeiras.

- 11h00 – Orquestra de Cordas da Grota
Local: Jardim de entrada do Centro da Música Carioca – R$ 1,00
A Orquestra de Cordas da Grota foi criada em 1995, a partir do trabalho voluntário de músicos e educadores, que queriam oferecer a crianças e jovens da Grota do Surucucu, através da formação musical, uma oportunidade de desenvolvimento humano e social. O talento e a dedicação dos jovens transformaram o projeto social em um trabalho musical de valor reconhecido. O projeto, hoje atua em mais 10 comunidades em Niterói e em municípios vizinhos atendendo em torno de 500 alunos de flauta, violino, viola, violoncelo, contrabaixo, flauta transversa e percussão.
Para o concerto, que celebrará o dia das crianças, a orquestra encantará a plateia ao combinar música erudita o com releituras empolgantes dos clássicos da Disney e composições infantis de autores brasileiros.

- 13h30 às 18h30 – MAMI – Movimento Artístico Musical para Infância – Fazendo Arte
O MAMI – Movimento Artístico-Musical para Infância – é um coletivo formado por artistas e grupos que têm a MÚSICA PARA A INFÂNCIA como elemento de destaque em suas atividades artísticas. Bandas, músicos, contadores de histórias, compositores, escritores e atores, entre outros, que há mais de três anos ocupam a pauta infantil do Centro da Música Carioca Artur da Távola (Tijuca-RJ) com shows diversificados para crianças e seus familiares, no projeto Domingo das Crianças. Em 2017, o MAMI expandiu suas ações passando a programar também o Café Com Leite (no Teatro Municipal Café Pequeno - Leblon) e o Parquinho das Ruínas (No Centro Cultural Municipal Parque das Ruínas – Santa Teresa). O MAMI vem propor um dia de arte, com atividades musicais e lúdicas, em comemoração ao Dia das Crianças, no Centro da Música Carioca Artur da Távola.

13h30 – Showcante que encante - Joaquim de Paula
Local: Jardim do CMC – R$ 1,00
O multi-instrumentista Joaquim de Paula tem um estilo musical que se aproxima da “música de raiz”, com características próprias e influência do estilo erudito e folclore brasileiro. No espetáculo usados instrumentos tradicionais, flauta, viola, sanfona, rabeca e percussões variadas, além de criativos recursos sonoros, com instrumentos criados pela cia. Para obtenção de sonoridades que se aproximem do viés dramático e onírico dos contos do nosso povo brasileiro.

14h15 – Que bicho é esse? - André Alves
Local: Jardim do CMC – R$ 1,00
A interatividade é o ponto forte do espetáculo que leva o público a refletir sobre nosso amor à natureza e nossas práticas contra ou a favor do meio ambiente, como reflexos do sentimento que nos move. Divertindo com perguntas como “que bicho é esse?” ou “como nascem os bichos?”, entre outras formas de chamado, o espetáculo acorda sentimentos que dormem, e nos intima com alegria, doçura e afeto, a revalidá-los, a partir de uma profunda e grande pergunta: “que mundo é este?”

15h – Roni e as Figurinhas
Local: Teatro do Centro da Música Carioca – R$ 20,00 e R$ 10,00
Roni Valk (voz), Alexei Henriques (violino), Nico do Cavaco (violão e cavaquinho), Rique Bardana (piano), Mauro Rocha (contrabaixo), Marcelo Sant´Anna (bateria e percussão) e André Sette (guitarra)
Show de lançamento do CD homônimo de Roni Valk. Composto por doze canções autorais, Roni contou com as participações mais que especiais de Maria Alcina, Áurea Martins e Suzana Salles, três cantoras consagradas da música brasileira. O álbum é um mergulho no mundo musical e melódico das composições de Roni feitas para e sobre infâncias. O repertório é um passeio pelos ritmos brasileiros como a marchinha, a moda de viola, o afoxé, o samba-rock, a modinha e o baião. Tem brasilidade nas letras e nos variados instrumentos usados nos arranjos como o cavaquinho, a cuíca, o pife, o pandeiro, a viola caipira.

16h30 – Catucando História pra cantar - Chay Torres, Ivone Torres
Local: Jardim do CMC – R$ 1,00
Ivone e Chay contam e cantam histórias incorporando temas variados: meio ambiente, ação social, família, folclore e mitos. Personagens ganham vida através da fusão das várias linguagens literárias e musicais. Show interativo em que a criança é conduzida a trabalhar através da imaginação, do canto, movimentos, sons corporais e instrumentais.

17h15 – Cantando Brinquedos - Jujuba e Ana Nogueira
Local: Jardim do CMC – R$ 1,00
As cantigas de brincar e parlendas compõem a trilha deste show que ainda leva a criançada a explorar os adereços e objetos sonoros da cena e também movimentos e sonoridades do próprio corpo. Nesta festa musical a plateia brinca, canta, dança e se diverte!

18h00 – Flores D'Água Contadoras de Histórias - Passarinho Encantado
Local: Jardim do CMC – R$ 1,00
Flores D’água Contadoras de Histórias reúne histórias onde a água é o elemento principal. Idealizado pela atriz Paulinha Cavalcanti e dirigido por Anderson Barreto, o espetáculo traz canções e cantigas populares que conduzem a cena, com muito humor, beleza e claro, histórias de flores dágua – vitória régia, flor de lótus- em integração direta com púbico. No palco Paulinha é acompanhada por Romulo Frazão - multi-instrumentista- que toca flauta transversal, banjo, cavaquinho e percussão. 

quinta-feira, 5 de outubro de 2017

Agenda Mensal


Programação Centro da Música Carioca - Outubro 2017

Centro da Música Carioca
Rua Conde de Bonfim, 824 – Tijuca
(21) 3238-3831

Exposição – Querubins da Grota (GRATUITO)_____________
Período: 27/09 a 26/11
Horários: Terças e Domingos, das 10h às 18h
Quarta a Sábado, das 10h às 19h30
“Querubins da Grota” é um projeto fotográfico realizado com a “Orquestra de Cordas da Grota”, resultado do trabalho desenvolvido no “Espaço Cultural da Grota”, o qual realiza ações voltadas para promoção da cidadania através da cultura, da arte e da educação direcionado para crianças e jovens da comunidade Grota do Surucucu em Niterói.
Além das obras expostas, todas as imagens do livro “Querubins da Grota” que deu origem ao projeto, serão projetadas para que todos tenham acesso ao acervo digital. O fotógrafo Fernando Braune realizará, no mês de outubro uma aula aberta para alunos da rede pública onde discorrerá sobre o processo criativo do trabalho Querubins da Grota, além de fazer uma visita orientada pela exposição.

Clássicos Domingos 11h ________________
Ingresso: inteira: R$ 20,00 / meia: R$ 10,00
Dia 1/10 – Duo Angela Carvalho e Cláudio Vettori (voz e piano)
Convidado: Helio Ferreira (tenor)
Angela exerce intensa atividade como concertista no Rio de Janeiro e outras cidades (Niterói, Nova Friburgo, São Paulo, Petrópolis). Canta, ainda, como recitalista em espaços musicais diversos como Country Club de Nova Friburgo, Uni-Rio, Auditório Lorenzo Fêrnandez do Conservatório Brasileiro de Música do Rio de Janeiro, Auditório do Espaço das Músicas de Niterói, Teatro Municipal de Niterói, Teatro da Universidade Federal Fluminense, Teatro Santa Cecília (Petrópolis), dentre outros.
Cláudio Vettori é pianista, estudou com Jaques Klein, Arnaldo Estrela e Glória Maria Fonseca Costa. É Diretor Musical do Theatro de Ópera Zola Amaro, fundado pelo tenor George Andler em 1999.
Helio Ferreira foi tenor solista do Teatro de Ópera do Rio de Janeiro (TORJ), atualmente se apresenta em concertos e recitais em vários locais no Rio de Janeiro e São Paulo, incluindo programas beneficentes e culturais em Igrejas, Clubes, Academias de Letras e Museus. Em 2003 gravou CD com repertório lírico com a saudosa Fani Rozenfeld, sua pianista na época.

Dia 8/10 – Alberto Pirro em Melodias ao Coração
Neste show o pianista Alberto Pirro dá relevo à beleza das melodias populares. Homenageando alguns dos nossos principais compositores como Sergio Bittencourt, Cartola, Lupicínio Rodrigues, Anísio Silva, Garoto, Tom Jobim, Toquinho, dentre outros, Alberto realça em cada canção a simplicidade e a singeleza de melodias imortais.

Dia 15/10 – Giordano Passini
Nasceu em 1986, em Bolonha (Itália), e iniciou seus estudos de música com doze anos.
Giordano tem atuado intensamente em concertos pela Europa, Leste Europeu, China e América Latina. Em 2014, lançou seu primeiro CD solo “Frammenti”, dedicado ao repertório violonístico do século 20 e que recebeu elogiosa crítica de publicações especializadas, com a Revista “Sei Corde” (Itália).
Desde 2009, é o Diretor Artístico e idealizador do Festival Internacional de Violão “Claxica”, em Bolonha (Itália).

Dia 22/10 – III Encontro Internacional de Acordeons
O evento reunirá acordeonistas de vários países, que farão diversas apresentações, cada um com sua individualização e performance específica. Um espetáculo que promete apresentar uma riqueza de ritmos e contextos musicais.
Participantes: Luana Lasta, Cascavel, PR, Brasil; José Benavidez, Paraná, Entre Rios, Argentina; Luiz Gamim, Punta Arenas, Chile; Lácides Romero, Córdoba, Colômbia; Lucia Ferrer, Shangrilla, Montevidéo, Uruguai e Olivier Forel, Nyon, Suiça.

Dia 29/10 – Concerto Especial – Homenagem a Sergio Roberto de Oliveira
Luis Carlos Barbieri (violão), Duo Santoro (violoncello), Marco Lima (violão), Doriana Mendes (soprano), Cristiano Alves (clarinete), Marco Lima (violão) e Mirian Grosman (piano).
A música do compositor carioca Sérgio Roberto de Oliveira será apresentada por vários músicos como reverência à sua criatividade musical e amizade.
No pouco tempo de convívio (faleceu aos 46 anos) legou uma importante e variada obra, indicada ao Grammy Latino de Melhor Composição Clássica Contemporânea/ 2011 (Umas Coisas do Coração, para violão solo) e produziu inúmeros trabalhos fonográficos pelo seu selo A CASA DISCOS, que também recebeu indicação ao Grammy Latino/ 2012 (CD Prelúdio 21 – Quartetos de Cordas). Produziu mensalmente a série de concertos do grupo “Prelúdio 21” e o Festival Internacional “Música de Hoje”.

Domingo das crianças 16h ______________
Ingresso: inteira: R$ 20,00 / meia: R$ 10,00
Dia 1/10 – José Henrique para Crianças
Há mais de 30 anos, o compositor José Henrique Nogueira dedica boa parte de seu trabalho à infância. O show José Henrique para Crianças tem cenografia de Suzana Lacevitz e direção musical de Lui Coimbra, que também participa com violão, violoncelo e charanga. No repertório 12 músicas dos CDs Curiosa Idade Musical 1 e Curiosa Idade Musical 2, entre elas, os sucessos “Foguete”, “O mosquito” e “Laranjeiras”. A banda conta ainda com David Willian, no teclado e acordeão, e Naife Simões, na percussão.

Dia 8/10 – André Alves apresenta Que Bicho é Esse
A interatividade é o ponto forte do espetáculo que leva o público a refletir sobre nosso amor à natureza e nossas práticas contra ou a favor do meio ambiente, como reflexos do sentimento que nos move. Divertindo com perguntas como “que bicho é esse?” ou “como nascem os bichos?”, entre outras formas de chamado, o espetáculo acorda sentimentos que dormem, e nos intima com alegria, doçura e afeto, a revalidá-los, a partir de uma profunda e grande pergunta: “que mundo é este?”

Dia 15/10 – Jujuba e Ana Nogueira apresentam Fábulas Fabulosas
Em Fábulas Fabulosas os artistas Jujuba e Ana Nogueira farão o lançamento do aplicativo de desenho animado de histórias cantadas “Contos em Cantos”. E é através de canções executadas ao vivo, técnicas teatrais, recorte e dobraduras, que os cantadores de histórias aliarão a arte milenar de narração de Fábulas com a moderna tecnologia digital, e mostrarão projeções dos desenhos animados que compõem o aplicativo, contextualizado com a estrutura do espetáculo, onde são contadas e cantadas fábulas para ressaltar a importância do livro e homenagear o grande escritor Monteiro Lobato.

Dia 22/10 – Cine em Canto Vai ao Circo
Bianca Fabris (voz e baixo), Carlos Henrique de Paula (voz), Daniel Damasceno (voz, violão e triângulo), Joana Lourenço (voz), Joyce Dayane (voz e percussão), Larissa Travassos (voz), Letícia Bento (voz), Lucas Ferreira (voz e guitarra), Luísa Correa (voz), Raquel Marinho (voz) e Victor Miguel (voz)
O musical foi construído em torno do repertório e roteiro do filme Os Saltimbancos Trapalhões e ganhou corpo com a inclusão de outras canções de Chico Buarque que foram trilha de cinema ou têm a mesma temática. Canções como “Ciranda da Bailarina” e “Mambembe”, aparecem num novo contexto, entrelaçando a história do circo, que é contada apenas por meio de canções.
Com humor e delicadeza, o espetáculo agrada a todas as idades, mas tem como foco principal levar esse repertório riquíssimo ao público infanto-juvenil.

Dia 29/10 – Hamilton Catette apresenta A Mão da Natureza
Show de Lançamento do novo CD, A Mão da Natureza, do compositor e cantor Hamilton Catette. No repertório, músicas para infância com conteúdo de respeito à Natureza e preservação.
__________________________________________________
Dia 4/10 – quarta-feira – 19h30 – Maria Marcella em Maresia
Ingresso: inteira R$ 20,00 / meia: R$ 10,00
Maria Marcella (voz) e Lucio Rodrigues (violão)
Neste CD de estreia, Marcela pinçou obras dos seus autores prediletos, como Dolores Duran, Ribamar, Dorival Caymmi, Baden Powell, Vinicius de Moraes, Dori Caymmi, Paulo Cesar Pinheiro, Cartola, Elton Medeiros e Candeia, tendo como temas principais o mar e o amor.

Dia 5/10 – quinta-feira – 19h30 – Quarteto Concertante
Ingresso: inteira R$ 20,00 / meia: R$ 10,00
Paulo Santoro (violoncelo), Tamara Ujakova (piano), Alexandre Brasil (contrabaixo) e André Frias (bateria).
No repertório do grupo, além da Suíte de Bolling, constam ainda a música brasileira de concerto, para as diversas combinações existentes, além de arranjos de música popular. O Quarteto Concertante fez sua estreia em um concerto memorável no auditório do BNDES, dentro da série “OSB Câmara”, e vem se apresentando regularmente por todo o Brasil.

Dia 6/10 – sexta-feira – 19h30 – Kátya Teixeira apresenta As Flores do Meu Terreiro
Ingresso: inteira R$ 20,00 / meia: R$ 10,00
Cantora, instrumentista e compositora, Kátya tem 6 cd's gravados e inúmeras participações em CDs e shows de artistas consagrados da Música Popular Brasileira, a cantora teve 3 dos seus 5 CDs indicados ao Prêmio da Música Brasileira, finalista no Prêmio Profissionais da Música 2017 na categoria ArtistaRaíz e Troféu Catavento 2012 e 2016 de Solano Ribeiro – Rádio Cultura/SP.

Dia 7/10 – sábado – 19h30 – Harmonitango
Ingresso: inteira R$ 20,00 / meia: R$ 10,00
José Staneck (harmônica), Ricardo Santoro (violoncelo) e Sheila Zagury (piano).
A busca por diferentes sonoridades e por novas formas de expressão: esta é a razão para a formação deste inusitado trio, formado por músicos com grande experiência camerística, como José Staneck, Ricardo Santoro e Sheila Zagury. Através da fusão de seus estilos, os músicos encontram na obra de Astor Piazzolla uma maneira de se expressar de forma emocionante e vibrante, valorizada pela riqueza tímbrica da harmônica, do violoncelo e do piano, criando uma sonoridade surpreendente dentro de uma obra fascinante. A similitude da sonoridade da harmônica com o bandoneon transfere à música de Piazzolla toda a energia de um dos mais importantes compositores do século XX, numa poderosa usina de sons valorizada pelos arranjos e pela execução do Harmonitango.

Dia 11/10 – quarta-feira – 19h30 – Dandara Ruffier apresenta Tendências
Ingresso: inteira: R$ 20,00 / meia: R$ 10,00
O show é um apanhado das principais canções que influenciaram e influenciam a identidade da cantora. Junto ao guitarrista Pablo Barroso, Dandara Ruffier interpretará canções de Tom Jobim e de outros compositores e parceiros contemporâneos ao maestro e também apresentará composições próprias e de compositores do atual cenário musical carioca.

Dia 12/10 – quinta-feira – 19h30 – Zé Bigode
Ingresso: inteira: R$ 20,00 / meia: R$ 10,00
O repertório, firmado na música instrumental autoral conta com misturas que vão do Jazz ao Afrobeat, passando por ritmos brasileiros como maracatu e baião. O grupo busca sempre a fluidez do improviso, longe de se limitar apenas a ouvintes que estudam música, a linguagem primordial é a do ritmo, e todos podem dançar.

Dia 13/10 – sexta-feira – 19h30 – CYB4 e Quarteto em Cy apresentam Nada Será como Antes
Ingresso: inteira: R$ 30,00 / meia: R$ 15,00
CYB4 é um grupo recém-lançado, que mescla as vozes das duas irmãs fundadoras do Quarteto em Cy, Cynara e Cyva, com Rui Faria (Ex MPB4) e Chico Faria. Comemorando seus 53 anos de existência, o Quarteto em Cy tem a seguinte formação: Cyva, Cynara, Soninha e Corina.
Nesse espetáculo, os dois grupos relembram canções que marcaram suas trajetórias, são composições de Chico, Vinicius, Tom, Sidney Miller, João Bosco, Aldir Blanc, Ernesto Nazareth, Gonzaquinha, Milton Nascimento, Ronaldo Bastos, entre outros. Sambas, Choros e Bossa Nova fazem parte do roteiro dinâmico, que prometem revisitar músicas com novos arranjos.

Dia 14/10 – sábado – 19h30 – Beto Saroldi
Ingresso: inteira: R$ 20,00 / meia: R$ 10,00
Saxofonista, compositor e produtor, Beto Saroldi pertenceu as Bandas de Erasmo Carlos, Gilberto Gil com quem se apresentou nos maiores Festivais de Jazz & Blues mundo afora, Barão Vermelho, Lulu Santos, Capital Inicial, Wagner Tiso & Lô Borges, especial de Roberto Carlos (TV Globo). Com Eduardo Dussek se apresentou no primeiro Rock in Rio. Trabalhou com Jim Capaldi (Co-fundador ao lado do também extraordinário Steve Winwood o lendário Grupo Inlgês Traffic).
São mais de 300 participações em discos de Ouro e Platina na música Brasileira e está lançando seu sexto Album Solo “Love Town”, um disco feito no Verão Carioca em que o Saxofonista trancou-se em seu studio e escreveu 13 das 14 canções do álbum. Estão em “Love Town” o suingue Carioca, as mais belas melodias brasileiras, o groove do Funk/Soul de Tim Maia, Cassiano, James Brown & Prince e o balanço e a sensualidade da Soul Music, que tornou-se uma marca em sua carreira com sua verdadeira impressão digital.

Dia 18/10 – quarta-feira – 19h30 – Gragoatá
Ingresso: inteira: R$ 20,00 / meia: R$ 10,00
Do baião à MPB, do tropicalismo ao indie. Formado por Rebeca Sauwen, Fanner Horta e Renato Côrtes, o trio fluminense traz no currículo apresentações diversas, como no Sofar Sounds, no Teatro Municipal de Niterói e Teatro da UFF.
Na mídia, eles ficaram conhecidos em 2015, após a participação de Rebeca Sauwen no programa The Voice, da Rede Globo, e no hit Linda, Louca e Mimada, da banda Oriente.

Dia 19/10 – quinta-feira – 19h30 – Camerata de Violões
Ingresso: inteira: R$ 20,00 / meia: R$ 10,00
Neste novo projeto “Cordas Clássicas” a Camerata de Violões avança com a nova proposta de registrar pela primeira vez em sua trajetória compositores brasileiros, novos e consagrados: Heitor Villa-Lobos, Lorenzo Fernandez, Henrique Oswald e Eduardo Gatto, lado a lado a compositores europeus e latino-americanos, tais como Claude Debussy, Béla Bartók, Alberto Ginastera e Leo Brouwer. Interpretando obras compostas originalmente para orquestras sinfônicas, com os arranjos elaborados pelos próprios integrantes do grupo para a estrutura de octeto de violões.

Dia 20/10 – sexta-feira – 19h30 – Letícia Persiles apresenta As Cartas de Amor e Saudade
Ingresso: inteira: R$ 20,00 / meia: R$ 10,00
As Cartas de Amor e Saudade, de Letícia Persiles, conta, em apenas um ato, a estória abstrata do processo de criação do próprio álbum. Tendo as músicas e o texto sido criados pela cantora, ao mesmo tempo em que sua vida se transformava pela chegada de seu primeiro filho, traz questionamentos sobre as relações de tempo, espaço e memórias e, é claro, exalta a força do feminino. Complementando o roteiro, outras canções da autora e, também, Lua Branca, de Chiquinha Gonzaga e Seule de Vinicius de Moraes e Pixinguinha fazem parte do show. Durante a performance, as músicas se misturam ao texto.

Dia 21/10 – sábado – 16h e 19h30 – III Encontro Internacional de Acordeons
Ingresso: inteira: R$ 40,00 / meia: R$ 20,00
O evento reunirá acordeonistas de vários países, que farão diversas apresentações, cada um com sua individualização e performance específica. Um espetáculo que promete apresentar uma riqueza de ritmos e contextos musicais.
Participantes: Morais do Acorden, Caiçara, Paraiba, Brasil; José Benavidez, Paraná, Província de Entre Rios, Argentina; Adelqui Bertotto, San Jorge, Argentina; Dudé, Jacaraú, Paraíba, Brasil; Walter Olhausen, Salto, Uruguai; Roger Correa, Guaíba, Rio Grande do Sul, Brasil; Verônica Mendez, Salta, Argentina; Camelo do Acordeon, Ypu, Ceará, Brasil; Maria Huerto, San Ramon Departamento de Canelones, Uruguai; Francisco Soriano, Tiófilo Otoni, Minas Gerais, Brasil; Lácides Romero, Lorica (Córdoba), Colômbia; Bia Socek, Quitandinhas, Paraná, Brasil; Angel Russo, Buenos Aires, Argentina; Luana Lasta, Cascavel, Paraná; Danilo Cruces, Punta Arenas, Chile, Fidelis do acordeon, Remígio, Paraíba, Brasil, Julio Gambino, Córdoba, Argentina; Zé Calixto, Campina Grande, Paraíba, Brasil; Juan Luiz Furlan, Buenos Aires, Argentina; João de Adauto, Jacaraú, Paraíba, Brasil; Luis Gamin, Punta Arenas, Chile; Guilhermo Codino, Nogoyá, Província de Entre Rios, Argentina; Gabriela Glesse, Missal, Paraná, Brasil; Lúcia Ferrer, Shangrilla, Canelones, Brasil; Juan Luiz Furlan, Buenos Aires, Argentina; Olivier Forel, Nyon, Suiça; Eduardo Javier Lorossa, Corrientes, Argentina; Gianni Gallo, Benevento, Itália; Sebastian Silva, Caruaru, Pernambuco, Brasil; Fofa Nobre, Guaíra, Rio Grande do Sul e Débora Nobre, Guaíra, Rio Grande do Sul, Brasil.

Dia 25/10 – quarta-feira – 19h30 – Luiz Otávio apresenta Casa de Amigo
Ingresso: inteira: R$ 20,00 / meia: R$ 10,00
Pianista, carioca, Luiz toca desde os quatro anos de idade. Na adolescência descobriu a música instrumental e desde então resolveu se dedicar e aprender mais sobre bossa e jazz. Têm como influências os pianistas César Camargo Mariano e Chick Corea, o cantor e instrumentista Ed Mota, o baixista Arthur Maia, entre outros consagrados instrumentistas da música brasileira e do jazz.
Casa de Amigo é seu primeiro álbum instrumental, o disco conta com as participações especiais de grandes músicos, como o guitarrista Leo Amuedo, o baixista Ney Conceição, o saxofonista Marcelo Martins.

Dia 26/10 – quinta-feira – 19h30 – Sidney Mattos
Ingresso: inteira: R$ 20,00 / meia: R$ 10,00
Sidney Mattos (teclado e voz), André Dantas (baixo), Elly Werneck (bateria) e Felipe Trocado (sax e flauta).
O músico e compositor Sidney Mattos lança Bombay. O CD foi gravado ao vivo, em 1978, num show memorável no Patkar Hall / Índia. No repertório temas instrumentais recolhidos dos seus cinco CDs instrumentais já gravados. O show contará com a participação especial de Fernando Moraes no teclado.

Dia 27/10 – sexta-feira – 19h30 – Fred Martins
Ingresso: inteira: R$ 20,00 / meia: R$ 10,00
Em um estilo particular e contemporâneo, as suas composições dialogam com o samba, a bossa-nova e o nordeste modal, captando também elementos do rock e blues.
A Música é Meu País” é o título do novo DVD de Fred Martins. Entre canções consagradas e inéditas, este trabalho traça uma panorâmica dos variados matizes poético/sonoros presentes na obra do músico. Também registra, em distintos ambientes, encontros com artistas que fizeram parte de sua trajetória musical, marcada pela experiência de viver entre Brasil, Galiza e Portugal. Contando com a participação de músicos e cantores como Ney Matogrosso, Zélia Duncan, Renato Braz, Lívia Nestrovski e Fred Ferreira, Cristiana Águas, Nancy Vieira, Ruca rebordão, Germán díaz, Pedro Pascual, Pablo Pascual, Marcelo Martins, Jessé Sadoc, Janaina Salles, Pedro Braga, Fernando Caneca, Alex Rocha, Victor Bertrami, Diogo Clemente, Ângelo Freire, Sandra Martins, “A Música é Meu País” é uma parceria do Centro de Artes da UFF e o Canal Brasil.

Dia 28/10 – sábado – 16h – Roda de Rock
Ingresso: R$1,00
O projeto será promovido pelo coletivo Rock S.A que é uma reunião de artistas das mais variadas regiões e vertentes do rock, que têm em comum o desejo de progredir com seus projetos. Uma forma que encontraram para difundir os seus trabalhos foi promover eventos periódicos como o Roda de Rock, que consiste em duas atividades:
16h – Abertura com a banda Envolto Deserto
17h30 – Roda de Rock – A proposta é ser uma festa democrática, aberta para quem quiser tocar, é só trazer o instrumento (violão, baixo, percussão, gaita, entre outros). A Roda se inicia com uma banda base e a medida que a galera for chegando, começa o revezamento.

Dia 28/10 – sábado – 19h30 – Jefferson Gonçalves e Banda
Ingresso: inteira: R$ 20,00 / meia: R$ 10,00
Jefferson Gonçalves tem sido uma referência em harmônica no Brasil e no mundo, por isso, em 2017 foi convidado pela empresa alemã Seydel Harmonicas, para ser o primeiro endorse brasileiro a fazer parte do time.

sábado, 2 de setembro de 2017


Programação Setembro / 2017
Centro da Música Carioca
Rua Conde de Bonfim, 824 – Tijuca
(21) 3238-3831

Clássicos Domingos 11h
Ingresso: inteira: R$ 20,00 / meia: R$ 10,00
Dia 3/09 – Duo Eduardo Camientski e Harold Emert
Eduardo Camientski (violão) e Harold Emert (oboé)
No repertório, obras autorais, além de Tom Jobim, Pixinguinha, Lenir Siqueira e Grewnsleeves.

Dia 10/09 – Diogo Cruz (violão)
Diogo Cruz (violão) e Tinho Martins (flauta)
Diogo apresentará seu EP, com músicas autorais e com influências desde a música antiga à música contemporânea, no repertório: O Caminho, Sinais, Sol do Oriente, Os Adivinhos, Dia dos Deuses e Pergaminhos.

Dia 17/09 – Duo Balloussier Soares
Tomaz Soares (violino) e Katia Balloussier (piano)
No repertório: Calimerio Soares, Ronaldo Miranda, Johannes Brahms e Henryk Wieniavsky.
Tomaz é Mestre em Música pela Bienen School of Music - Northwestern University, Evanston, Illinois, EUA (2016) e Bacharel em Música com Habilitação em Violino pelo Instituto Villa-Lobos da UFRJ. Atualmente é integrante do Quarteto UFF, da OPES (Orquestra Petrobrás Sinfônica) e do PAN Ensemble.
Katia Balloussier – Há vários anos desenvolve intenso trabalho como camerista, se apresentando nas principais salas de concerto do país ao lado de renomados músicos brasileiros e estrangeiros.

Dia 24/09 – Ferr – Piano Solo
O show de Ferr, funde a classe e liberdade do jazz com a arte contemporânea produzida nas ruas, fora das salas de concerto. Tais como o soul, o rap, o drum'n bass, entre outros.
Suas apresentações são assinalados por grooves marcantes, permeados por repertório de composições próprias e releituras em jazz de clássicos como “Come as you are” do Nirvana.

Domingo das crianças 16h
Ingresso: inteira: R$ 20,00 / meia: R$ 10,00
Dia 3/09 – Parampampam em Olha Que Eu Viro Bicho
No repertório canções próprias com diversos bichos como personagens, brincando com a personalidade de cada um por meio de ritmos variados, bonecos e brincadeiras.
O Parampampam é um grupo de música para crianças, formado por arte-educadores e músicos, com um trabalho que valoriza a diversidade rítmica, compartilha alegria e explora o imaginário infantil.

Dia 10/09 – Companhia Mimos Brasil em Histórias pra Boi Dormir
Histórias de várias partes do mundo, enriquecidas com canções do folclore nacional, pesquisadas em regiões brasileiras e outras canções originais estão presentes no repertório do “Histórias pra Boi Dormir”, espetáculo lúdico e divertido para crianças e suas famílias.

Dia 17/09 – Rosângela de Carvalho apresenta O Que Estou Fazendo Nessa História Outra Vez?
Show interativo, brincadeiras, histórias e músicas da compositora Rosângela de Carvalho, no repertório, canções que falam sobre o nosso folclore. O espetáculo conta com as participações especiais de Roberto Melo e Andrea Martins.

Dia 24/09 – Ivone e Chay Torres em Catucando Histórias pra Cantar
Ivone e Chay contam e cantam histórias incorporando temas variados: meio ambiente, ação social, família, folclore e mitos. Personagens ganham vida através da fusão das várias linguagens literárias e musicais. Show interativo em que a criança é conduzida a trabalhar através da imaginação, do canto, movimentos, sons corporais e instrumentais.

Ciclo Internacional de Compositoras (Sonora)

Dia 7/09 – quinta-feira – 19h30 – Giovanna Tardelli Trio – O instrumental brasileiro e Deborah Levy Trio – Apimentada
Ingresso: inteira R$ 20,00 / meia: R$ 10,00
Giovanna Tardelli Trio – O instrumental brasileiroParticipou do Festival de MPB e Jazz da faculdade Souza Lima em 2013 e 2016, tendo aula com músicos importantes como André Marques (seu atual professor de piano), Lupa Santiago, Bob Wyatt, Gilberto de Syllos, Nenê, Vitor de Alcântara, Pedro Ramos, entre outros. Atualmente, aos 21, estuda piano popular na Unicamp e no Conservatório de Tatuí.
Deborah Levy Trio – Apimentada – No espetáculo, Débora relê mais de três décadas da Música Instrumental Brasileira, de 1980 aos dias de hoje, através de 11 faixas autorais.
Misturando raiz e modernidade, quebrando padrões e subvertendo métricas, a música flui de Deborah Levy totalmente única, tornando o previsível, imprevisível. O samba jazz que é também é fusion (Apimentada), o baião instrumental que também é montuno (Canto Latino no.1), ou o frevo contemporâneo que se mescla com a música de câmara (E aí, veio o Carnaval) são alguns dos exemplos que fazem esse trabalho resultar em uma obra original, representada pela fluência de suas melodias cheias de alma, se personificando num álbum de Música Instrumental Brasileira moderno e de alta qualidade. O show conta com as participações especiais de Vidal Assis, Glória Ettari, Dhyan Toffolo, Dani Spielmann, Trio Capitu e Sacha Leite, além de baixo, bateria e percussão de base.

Dia 14/09 – quinta-feira – 19h30 – Ivy MoraisNa Ponta do Remo e Cláudia Castelo BrancoVocê na Nuvem
Ingresso: inteira R$ 20,00 / meia: R$ 10,00
Ivy MoraisNa Ponta do RemoIvy Morais expressa a sua paixão pela música brasileira através do canto, suas composições próprias e enquanto produtora cultural, demonstrando no palco a sua vivência na estrada, nas rodas de samba e blocos de rua do carnaval carioca.
Com o Rio Pandeiro, desenvolveu um trabalho diferenciado, levando o samba, maracatu, baião, ijexá e outras expressões nacionais para a Itália, em 2012. Neste mesmo período, se apresentou em casas consagradas como Rio Scenarium e Carioca da Gema, e fez uma homenagem à Clara Nunes nos Escravos da Mauá.
Cláudia Castelo Branco – Você na Nuvem – Com três CDs (“Gisbranco” 2008, “Flor de Abril” 2011 e “Você na Nuvem” 2016) e dois DVDs lançados ("10 mãos e um piano preparado" 2007 e “10 anos de Carreira” 2016), a pianista, compositora e cantora já se apresentou em diversos países, como França, Turquia, Italia, Portugal, Suiça, Canadá e Espanha ao lado de Bianca Gismonti (no Duo Gisbranco), de Claudio Daueslberg (no grupo PianOrquestra) e de Marcos Campello (no show Você na Nuvem). Fez parte do grupo Ofelex, de criação de música eletroacústica, com o qual se apresentou em Bienais e Festivais de Música Brasileira Contemporânea.

Dia 21/09 – quinta-feira – 19h30 – Natália Carrera e Andrea Dutra
Ingresso: inteira R$ 20,00 / meia: R$ 10,00
Natália Carrera - Guitarrista, tecladista, produtora e compositora carioca. Compôs e gravou a trilha musical para o curta de animação Tailor, exibido nas esições de 2017 do Anima Mundi e do Festival de Gramado. Produziu e tocou recentemente no disco Em Noite de Climão da cantora Letrux, lançado em julho de 2017. No início do ano, lançou o disco Testamento, com sua banda Pessoal da Nasa.
Andrea DutraAndrea Dutra é carioca, cantora e compositora, tem 29 anos de carreira e 5 discos solo. O mais recente, Jamba, foi lançado em 2013, pela Mills Records. Desde 2001 é integrante do quarteto vocal Arranco de Varsóvia, vencedor do Prêmio da Música Brasileira na categoria Melhor Grupo de Samba, em 2006. Com o Arranco, tem mais cinco CDS e um DVD e muitos shows pelo Brasil. Andrea canta regularmente em todo o circuito profissional do Rio, casas de shows e teatros, cantando brazilian jazz, samba, mpb e black music. É residente, desde 2010, da única casa internacional de jazz da Lapa, o Triboz, onde canta standards de jazz e brazilian jazz, com o Andrea Dutra Quarteto.

Dia 28/09 – quinta-feira – 19h30 – Beliza LuarSentimento Boreal e IlessiDama de espadas
Ingresso: inteira: R$ 20,00 / meia: R$ 10,00
Beliza LuarSentimento Boreal Belliza Luar, niteroiense, 23 anos, é cantora, compositora e também toca violão.
Estudou no Conservatório de Música Brasileiro de Niterói: Piano (2004 a 2006) e Violão (2012 a 2013). Trabalha se apresentando em casas noturnas das cidades de Niterói e do Rio de Janeiro desde 2011 e participou de dois festivais da música de Niterói: em 2011, na praia de São Francisco e em 2012 no MAC.
IlessiDama de espadasOriginal de Campo Grande, bairro da Zona Oeste do Rio de Janeiro, a cantora e compositora, gravou o seu primeiro CD “Brigador - Ilessi canta Pedro Amorim e Paulo César Pinheiro” em 2009. Com Diogo Sili, realizou em 2013 o show “Quem me levará sou eu - Ilessi e Diogo Sili interpretam Manduka”. Seu mais recente trabalho “Mundo Afora: Meada”, com músicas de novos compositores de todas as regiões do Brasil, tem previsão de lançamento ainda pra 2017.
Para este show Ilessi preparou um repertório, com composições próprias em parceria com Iara Ferreira, Jorge Andrade, Milena Tiburcio, Simone Guimarães, Thiago Amud, entre outros.

Dia 1/09 – sexta-feira – 19h30 – Qinho apresenta Fullgás
Ingresso: inteira: R$ 20,00 / meia: R$ 10,00
Em abril, o cantor e compositor Qinho lançou o EP Fullgás na internet. O projeto, que teve seu primeiro embrião ainda em 2015, com o encontro do carioca com Marina Lima no palco, dentro do projeto Romance – primeiro no Red Bul Station, em São Paulo, e depois no Parque Lage, no Rio –, ganhou registro fonográfico incluindo quatro grandes sucessos da artista: “Fullgás”, “Uma Noite e Meia”, “Criança” e “Charme do Mundo”.
No repertório, além das quatro canções do EP, Qinho ainda reinventa ao lado de Gui Marques (teclado e sintetizadores) e Carlos Sales (bateria) outros sucessos de Marina como “Virgem”, “Acontecimentos”, “Nada por mim”, entre outras.

Dia 2/09 – sábado – 16h – Casa Poema – Recital em Homenagem a Martinho da Vila
Ingresso: inteira: R$ 20,00 / meia: R$ 10,00
A Casa Poema e seus dizedores de poesia, sob a batuta de Elisa Lucinda, trazem seu já tradicional recital – que revela de maneira descontraída e bem-humorada a força da palavra poética em cena, em comunhão com canto, pandeiro, cavaquinho e outros elementos musicais que enriquecem a narrativa e contribuem para fazer saltar do papel as palavras e emoções dos poetas apresentados.

Dia 2/09 – sábado – 19h30 – Luiza Sales e Pedro Carneiro apresentam Versos do Capitão
Ingresso: inteira: R$ 20,00 / meia: R$ 10,00
Luiza Sales (voz) e Pedro Carneiro Silva (piano)
Neste trabalho, a dupla assina os arranjos e composições de 10 canções apresentadas em formato de voz, violão e piano. O título “Versos do Capitão” é inspirado no livro homônimo do poeta chileno Pablo Neruda. Nele, os poemas falam da despedida de um homem que precisa ir navegar, deixando para trás sua amada. No CD da dupla, não é diferente. O repertório fala de saudade, amor e despedidas em canções como “Despedida” (parceria da dupla), “Angela” (música de Luiza Sales), “O Capitão” (música de Pedro Carneiro Silva) e “Versos do Capitão” (parceria de Luiza Sales com o produtor Vinicius Castro), faixa-título do CD.

Dia 6/09 – quarta-feira – 16h – Eduardo Canto em Tom Jobim – 90 Anos de Histórias & Canções
Ingresso: inteira: R$ 20,00 / meia: R$ 10,00
No roteiro músicas como Dindi, Por Causa de Você, Chega de Saudade, num total de 16 canções, e um pouco da história de Antônio Carlos Brasileiro de Almeida Jobim, o nosso Tom Jobim.
A soma do grande talento com a formação musical erudita fizeram de Tom Jobim mais que um compositor brasileiro reconhecido internacionalmente. Pianista, maestro e arranjador, compôs canções sofisticadas e acessíveis ao gosto popular. Ao lado de João Gilberto e Vinícius de Moraes, foi um dos criadores da bossa-nova.

Dia 8/09 – sexta-feira – 19h30 – André Grabois e João Brasileiro apresentam Das Terras Sertanezas – Canções de Elomar
Ingresso: inteira: R$ 20,00 / meia: R$ 10,00
André Grabois (voz) e João Brasileiro (violão).
A música de Elomar Figueira Mello é reconhecida por revelar a árida beleza da vida no Sertão do Brasil, numa linguagem que funde música popular, de câmara e de concerto. Sua obra é escrita em diversas formas como serestas, cantigas, incelenças, óperas e sinfonias. A porção relativa ao Cancioneiro do baiano ganhou homenagem à altura no recital “Das Terras Sertanezas – Canções de Elomar”.

Dia 9/09 – sábado – 19h30 – Duo Manu Santos e Tuca Alves apresentam Deu Vontade
Ingresso: inteira: R$ 20,00 / meia: R$ 10,00
Manu Santos (voz) e Tuca Alves (violão)
O show “Deu Vontade” é um encontro para fazer e celebrar a música, aquela que transcende a fronteira do ouvido e chega ao coração. Um espetáculo que passeia de Gonzaguinha à Dona Ivone Lara.

Dia 13/09 – quarta-feira – 16h – Juliana Maia
Ingresso: inteira: R$ 20,00 / meia: R$ 10,00
Juliana Maia, filha de Conservatória, cidade da Serenata, apresenta um show de exaltação a beleza das aquarelas e Serestas Brasileiras. Fazem parte do repertório, Lamartine Babo, Ataulfo Alves e Cartola.

Dia 15/09 – sexta-feira – 19h30 – Marcello Furtado em “E se os meus retalhos fossem de cetim?”
Ingresso: inteira: R$ 20,00 / meia: R$ 10,00
Participação especial: Paulo César Feital, ganhador “Estandarte de Ouro”
Admirador de Benito Di Paula, o cantor e compositor Marcello Furtado prestará uma homenagem com um espetáculo exclusivamente costurado por algumas de suas canções mais emblemáticas. Músicas que falam de amor, do universo feminino, de vida, arte, e com hits que marcaram a carreira deste artista brilhante e atemporal. Baseado no título de um dos seus maiores sucessos, “E se os meus retalhos fossem de cetim?” relembrará momentos de uma carreira construída com melodias, letras e harmonias apropriadas para uma época em que tais ingredientes eram fundamentais na conquista de um público acostumado à músicas de qualidade e com o melhor da MPB.

Dia 16/09 – sábado – 19h30 – Alice Passos, Breno Ruiz e Miguel Rabello – lançamento dos discos Voz e Violões e Cantilenas Brasileiras
Ingresso: inteira: R$ 20,00 / meia: R$ 10,00
Alice Passos (voz), Breno Ruiz (voz e piano) e Miguel Rabello (violão)
Miguel e Breno, grandes compositores, participaram do disco da Alice e desde então os três começaram a trabalhar juntos. Alice Passos lançou recentemente seu disco “Voz e Violões” e Breno Ruiz (SP) lançou o seu “Cantilenas Brasileiras”. No show, apresentam canções dos discos e músicas do Miguel em parceria com Paulo Cesar Pinheiro, Roberto Didio, entre outros.

Dia 20/09 – quarta-feira – 16h – Eduardo Canto em Herivelto Martins – Sinfonia de Pardais
Ingresso: inteira: R$ 20,00 / meia: R$ 10,00
Conhecido como o rei do samba canção, Herivelto Martins foi um dos grandes nomes da nossa música popular, compositor de clássicos do samba eternizados nas vozes de estrelas como Dalva de Oliveira, Francisco Alves, Araci de Almeida, Sílvio Caldas, Carmen Miranda, Cyro Monteiro e Nelson Gonçalves. Muitos de seus sucessos foram gravados pelo Trio de Ouro, grupo criado por ele mesmo e do qual fez parte em todas as suas formações.

Dia 22/09 – sexta-feira – 19h30 – Paulo Bi em Eu Sou Trezentos – Poemas musicados de Mário de Andrade
Ingresso: inteira: R$ 20,00 / meia: R$ 10,00
Paulo Bi (voz, violão), Henrique Graça (piano) e Leo Cortez (bateria)
Acompanhado de seu violão midi, do pedal loopstation e utilizando na voz o processador vocal VE 20, Paulo Bi lança mão de recursos eletrônicos para criar uma atmosfera sonora envolvente, oferecendo ao público alguns dos belos poemas de Mário de Andrade, transformados em canção.

Dia 23/09 – sábado – 19h30 – Gabi Buarque
Ingresso: inteira: R$ 20,00 / meia: R$ 10,00
Gabi Buarque (voz e violão)
A cantora e compositora carioca, Gabi Buarque de volta ao Brasil depois de dois meses em turnê pela Europa, apresenta seu mais novo show com foco na PALAVRA e direção cênica de Duda Maia. Samba, coco, maracatu, xote, maxixe, valsa, uma diversidade rítmica brasileira em canções inéditas, poesias e músicas gravadas nos CDs “Deixo-me acontecer”(2011) e “Fiandeira”(2014).

Dia 27/09 – quarta-feira – 16h – Alice Sales em Estrela Dalva
Ingresso: inteira: R$ 20,00 / meia: R$ 10,00
Alice Sales (voz), Luiz Flavio Alcofra (violão) e Jayme Vignoli (cavaco)
Show que objetiva mostrar um pouco de todas as suas facetas. Muito conhecida pelas canções de amor sofridas, mas também por interpretar marchinhas de carnaval e canções festivas, Dalva de Oliveira era uma cantora extremamente versátil. Sabia passear por universos diferentes, sempre deixando sua marca: uma voz marcante, de agudos precisos e vibrato emocional. No repertório releituras dos grandes sucessos interpretados pela estrela, mas sem ousar imitá-la.

Dia 29/09 – sexta-feira – 19h30 – Lúcia Helena e Fernando Leitzke apresentam Sérgio Ricardo, um coração brasileiro
Ingresso: inteira: R$ 20,00 / meia: R$ 10,00
No espetáculo a cantora Lúcia Helena Weiss e o pianista Fernando Leitzke, mostrarão um recorte da obra musical desse grande artista, que completou 85 anos em 2017, em plena atividade como compositor, intérprete e cineasta. No roteiro destacam-se canções, toadas, choros e sambas que falam de sua visão de mundo, do amor, do mar e da vida do povo brasileiro, como Ponto de Partida, Zelão, Beira do Cais, Poema Azul e Do Morro à Matriz. No repertório algumas parcerias, a exemplo de Toada da Ternura, com o grande poeta e amigo Thiago de Mello ou Manoela, com Alexandre Caldi, um dos seus mais jovens parceiros.

Dia 30/09 – sábado – Roda de Rock
Ingresso: inteira: R$ 1,00
O projeto será promovido pelo coletivo Rock S.A que é uma reunião de artistas das mais variadas regiões e vertentes do rock, que têm em comum o desejo de progredir com seus projetos. Uma forma que encontraram para difundir os seus trabalhos foi promover eventos periódicos como o Roda de Rock, que consiste em duas atividades:
16h – Abertura com Cássia Novello – a cantora e compositora estreia seu mais novo trabalho: o EP “Mundo Presente”, já disponível nas principais plataformas de música digital. Neste lançamento que tem a direção Muiscal de Lucas Vasconcelos (Letuce, Legião Urbana), Cássia explora influências do pop feminino nacional oitentista com temáticas contemporâneas.
17h30 – Roda de Rock – A proposta é ser uma festa democrática, aberta para quem quiser tocar, é só trazer o instrumento (violão, baixo, percussão, gaita, entre outros). A Roda se inicia com uma banda base e a medida que a galera for chegando, começa o revezamento.

Dia 30/09 – sábado – 19h30 – Laura Finocchiaro
Ingresso: inteira: R$ 20,00 / meia: R$ 10,00
Cantora, compositora, guitarrista, arte-educadora e produtora musical, tem nove álbuns lançados e distribuídos através de seu próprio selo, Sorte produções. Christovam de Chevalier, Jorge Salomão, Cazuza, Tom Zé, Vitor Martins, Glauco Matoso, Cassandra Rios, Leca Machado e Caio Fernando Abreu são alguns dos muitos parceiros que têm na música.


O repertório do espetáculo inclui composições inéditas e recentemente “saídas do forno” como “Lua de Janeiro”, em parceria com Christovam de Chevalier e “Olhos Fechados”, em parceria com Jorge Salomão. Na mesma safra de composições inéditas, o novo show apresenta a inusitada “Clonada”, canção de Laura Finocchiaro baseada em história real, e a furiosa “Q.I”, criada em parceria com o poeta Celso Madruga. Em momento intimista, o show apresenta a também inédita, harmônica e subjetiva “Luz de Mercúrio”, composta nos anos 80, em parceria única entre Laura, Leca Machado e a roqueira Lori F. , sua talentosa e saudosa irmã mais velha. Este momento intimista será complementado pela canção romântica e quase caipira chamada “Sem Sinal”, composta em parceria com a poeta Leca Machado, sua parceira mais constante nesta pista musical.